RAFAEL CASTRO

RAFAEL CASTRO - Quando A Gente Acha A Tampa Da Própria

presta

Todavia a teimosia arrisca se ela abrir uma fresta -

para o amor

Fica bobo, grita ao mundo, gira pirueta e faz festa

Passa a perna nele mesmo e diz pra mãe que casa com

esta - de uma vez

Ta aí que desde sempre o indivíduo tem mais olhos do

que barriga

E mesmo satisfeito o besta nunca mata aquela velha

lombriga

Compra flor, compra docinho, compra jóia e compra até

briga

Pra no final da estória ela dizer que o lance é ser

mais uma amiga - aha-ha.

É quando a gente acha a tampa da própria panela

e deixa a comida queimar

Vê que o banquete azedou mas come

até sem fome só pra se engasgar

(Vê que o banquete azedou mas come

até sem fome pra se intoxicar

Vê que o banquete azedou mas come

até sem fome só pra ver no que dá)

Get this song at:  amazon.com sheetmusicplus.com

Share your thoughts

Comments